Aditivos alimentares

colorante-conservantes

 O que é?

Aditivo alimentar é qualquer substancia adicionada ao alimento com o objetivo de melhorar o sabor, cor, aspecto ou conservar. Função de estender a duração dos alimentos ultraprocessados ou, mais frequentemente, dotá-los de cor, sabor, aroma e textura que os tornem extremamente atraentes.  

Onde podemos encontrar?

Em produtos ultraprocessados, como salgadinhos, miojo, salsicha, gelatina, sorvetes, bolachas recheadas, sopas prontas, caldos de carne, refrigerantes, sucos industrializados, iogurtes aromatizados, balas, barras de cereal, entre outros.

Uma forma prática de distinguir alimentos ultraprocessados é consultar a lista de ingredientes. Um número elevado de ingredientes (frequentemente cinco ou mais) e, sobretudo, a presença de ingredientes com nomes pouco familiares e não usados em preparações culinárias indicam que o produto pertence à categoria de alimentos ultraprocessados.  

Faz mal?

É comum que os alimentos com muitos aditivos (ultraprocessados) apresentem também um alto teor de sódio, por conta da adição de grandes quantidades de sal, necessárias para estender a duração dos produtos e intensificar o sabor,ou mesmo para encobrir sabores indesejáveis oriundos de aditivos ou de substâncias geradas pelas técnicas envolvidas no ultraprocessamento.   Além disso, esses alimentos tendem a ser muito pobres em fibras, decorrente da ausência ou da presença limitada de alimentos in natura ou minimamente processados nesses produtos. Essa mesma condição faz com que os alimentos ultraprocessados sejam pobres também em vitaminas, minerais e outras substâncias com atividade biológica que estão naturalmente presentes em alimentos in natura ou minimamente processados.   Alguns aditivos estão relacionados à alergia alimentar de crianças. A alergia é uma resposta exagerada do organismo a determinada substância e pode se manifestar através de urticaria, inchaço, coceira, diarreia, vômitos e tosse. Dentre os mais relatados por causarem reação alérgica em crianças estão: Tartrazina, sulfitos e glutamato monossódico. A tartrazina pode ser encontrada nos sucos artificiais, gelatinas e balas coloridas enquanto o glutamato monossódico pode estar presente nos alimentos salgados como temperos (caldos de carne ou galinha) e salgadinhos. Os sulfitos são usados como preservativos em alimentos (frutas desidratadas, sucos industrializados).  

Prefira oferecer para o seu filho sempre alimentos naturais! Fuja dos ultraprocessados, pois toda substância química em longo prazo pode trazer consequências à saúde das quais ainda desconhecemos.

      Publicado em 24/05/22